Portal Correio do Agreste - A serviço do povo!

Jovem de Nova Cruz cria projeto para marcar a história da cidade e relembrar costumes

Ele, que é estudante de jornalismo, usa as técnicas de reportagem que aprende no dia a dia para gravar vídeos
Jovem de Nova Cruz cria projeto para marcar a história da cidade e relembrar costumes
Foto/Reprodução

OUVIR NOTÍCIA

Resgatar a identidade de um povo e de um lugar é uma ação de orgulho, além de ser um ato de coragem, já que muitas vezes o movimento educativo de inserção é deixado de lado – até mesmo pelo poder público.

 

Foi observando esta lacuna que o jovem Diego Alves, de 22 anos, teve a ideia de criar um projeto de fidelidade voltado para Nova Cruz, cidade onde nasceu. “Acredito que não há infância melhor. O interior é cheio de proteção e carinho”, contou.

Assim surgiu o perfil do Instagram Hashtag Nova Cruz, idealizado justamente com o propósito de valorizar a arte e a população do município. “O foco é ajudar as pessoas e evidenciar o nosso percurso. Por exemplo, conhecemos bastante o tradicional festejo de São João em Mossoró. Em Tangará, existe o lado gastronômico em destaque, com os famosos pastéis. Então o objetivo do projeto é recuperar a trajetória específica da minha cidade”, narrou Diego.

Ele, que é estudante de jornalismo, usa as técnicas de reportagem que aprende no dia a dia para gravar vídeos contando histórias peculiares e interessantes sobre personagens nova-cruzenses. “Recentemente, abordei algumas questões relacionadas à pandemia da Covid-19. Falei sobre a nossa casa de idosos, que está precisando de doações. Também relatei a situação do circo local, que passa por maus bocados sem apresentações”.

Para o jovem, fomentar a linguagem cultural e social de Nova Cruz é essencial para que a população se sinta representada.

“A gente sempre sonha em ir para fora, não é? É quase um selo de qualidade estar em uma capital ou em uma cidade maior. E, por isso, esquecemos de focar nas nossas origens. Precisamos elaborar nossos próprios referenciais, dar voz e espaço”, afirmou o estudante.

 
 
 
Ver essa foto no Instagram

vídeo em homenagem aos 100 anos da cidade de Nova Cruz - RN.

Uma publicação compartilhada por #NovaCruz (@hashtagnovacruz) em

Representatividade Em 2017, Diego venceu um concurso promovido no estado que tinha como tema: “o que é ser brasileiro?”. O potiguar decidiu fugir de estereótipos, como praias e samba, e resolveu mostrar a feira livre que acontece no mercado público de Nova Cruz. “Fiz um vídeo rápido com cenas do cotidiano, o ir e vir, pessoas comprando produtos e interagindo. A filmagem chamou a atenção especialmente por mostrar uma realidade que, às vezes, passa despercebida”, disse.

Com a vitória, o jovem levou o mini documentário para ser exibido na Polônia, país do Leste Europeu. “Foi uma experiência incrível. Mais uma prova, para mim, de que a identidade importa sim. É representativo. Não devemos esconder ou sentir vergonha de nossas raízes pois precisamos, a cada dia que passa, enaltecer nossos costumes para que não se percam no tempo”.

Do Agora RN

Fonte

Nova Cruz Oficial

Comentários

Quer mais artigos e as newsletters editoriais no seu e-mail?

Receba as notícias do dia e os alertas de última hora.
[CARREGANDO...]

Confira mais Notícias

Senador Georgino Avelino
OBRA DE PAVIMENTAÇÃO DA RUA JOÃO AURELIANO, EM GEORGINO AVELINO É RETOMADA
OBRA DE PAVIMENTAÇÃO DA RUA JOÃO AURELIANO, EM GEORGINO AVELINO É RETOMADA
VISUALIZAR
Senador Georgino Avelino
PREFEITURA DE GEORGINO AVELINO CONCLUI OBRA DO PALCO DE EVENTOS COM RECURSOS PRÓPRIOS
PREFEITURA DE GEORGINO AVELINO CONCLUI OBRA DO PALCO DE EVENTOS COM RECURSOS PRÓPRIOS
VISUALIZAR
Rio Grande do Norte
PRF apreende carga de cigarros contrabandeados avaliada em R$ 1 milhão no RN
PRF apreende carga de cigarros contrabandeados avaliada em R$ 1 milhão no RN
VISUALIZAR
Cidades
Corpo de adolescente desaparecido em Goianinha é encontrado pela família
Corpo de adolescente desaparecido em Goianinha é encontrado pela família
VISUALIZAR
Educação
Projeto do SESI-RN com conteúdo preparatório para o Enem tem aulas com 3.300 acessos
Projeto do SESI-RN com conteúdo preparatório para o Enem tem aulas com 3.300 acessos
VISUALIZAR
Policial
Polícia prende suspeitos de arrombamento de caixas eletrônicos
Polícia prende suspeitos de arrombamento de caixas eletrônicos
VISUALIZAR
Fale com a redação!

Envie sua mensagem, estaremos respondendo assim que possível ; )