Portal Correio do Agreste - A serviço do povo!

Vacinação nacional contra o sarampo entra na segunda fase

O objetivo é que a população na faixa etária de 20 a 29 anos tome duas doses da vacina tríplice viral (caxumba, rubéola e sarampo)
Vacinação nacional contra o sarampo entra na segunda fase
Foto: USP Imagens/Divulgação

OUVIR NOTÍCIA

O Ministério da Saúde inicia nesta segunda-feira (18) a segunda fase da campanha de vacinação contra o sarampo, desta vez com foco na faixa etária de 20 a 29 anos. O objetivo é que essa população tome duas doses da vacina tríplice viral (caxumba, rubéola e sarampo) com intervalo mínimo de 30 dias.

Para se imunizar, basta ir a uma das Unidades Básicas de Saúde do município com a caderneta de vacinação. Quem não tiver o registro vacinal, receberá as duas doses.

Na primeira fase da campanha foram vacinadas 400 mil crianças na faixa de 6 meses a 4 anos, 11 meses e 29 dias – esse é o grupo mais vulnerável e sujeito a complicações com a doença. Seis bebês com menos de um ano morreram em decorrência do sarampo neste ano.

Segundo o Ministério da Saúde, outras três etapas da campanha de vacinação contra o sarampo ocorrerão em 2020. A meta é vacinar 2,6 milhões de crianças na faixa prioritária e 13,6 milhões de adultos. No próximo ano (ainda sem data definida), deverão ser contempladas pessoas de 5 a 19 anos, de 30 a 49 anos e de 50 a 59 anos.

As únicas contraindicações da vacina são para bebês com menos de seis meses e pessoas alérgicas. Para proteger as crianças dessa idade, os pais devem evitar que elas frequentem aglomerações e manter higienização e ventilação adequadas. Quem tem alergia à proteína lactoalbumina (presente no leite de vaca) recebe a dose feita sem o componente.

Surto

O governo federal estima que o surto no país deva levar, pelo menos, entre seis a oito meses para ser totalmente contornado. Nos últimos 90 dias, foram contabilizados 5.660 casos da doença, com seis mortes. Embora a maioria dos registros (90,5%) esteja concentrada em São Paulo, há um número significativo de casos (537) espalhados em 18 estados.

O grande número de pessoas com a doença e os focos de infecção associados à baixa cobertura vacinal em vários pontos do Brasil explicam as projeções pouco otimistas. A estimativa é de que 39,9 milhões de brasileiros – 20% da população, estão suscetíveis ao vírus.

Fonte

Agência Estado

Comentários

Quer mais artigos e as newsletters editoriais no seu e-mail?

Receba as notícias do dia e os alertas de última hora.
[CARREGANDO...]

Confira mais Notícias

Esportes
IMAGENS EXCLUSIVAS: JÁ NO AEROPORTO, DANIEL E GABRIEL EMBARCAM EM INSTANTES PARA COPA SÃO...
IMAGENS EXCLUSIVAS: JÁ NO AEROPORTO, DANIEL E GABRIEL EMBARCAM EM INSTANTES PARA COPA SÃO PAULO
VISUALIZAR
Senador Georgino Avelino
EM GEORGINO AVELINO; MORADORES RECLAMAM DE ESGOTO A CÉU ABERTO NA RUA JOÃO AURELIANO
EM GEORGINO AVELINO; MORADORES RECLAMAM DE ESGOTO A CÉU ABERTO NA RUA JOÃO AURELIANO
VISUALIZAR
Cidades
PREFEITURA DE AREZ INAUGURA UNIDADE DE TRIAGEM DE RESÍDUOS SÓLIDOS
PREFEITURA DE AREZ INAUGURA UNIDADE DE TRIAGEM DE RESÍDUOS SÓLIDOS
VISUALIZAR
Rio Grande do Norte
Governo federal deixa RN de fora de pacote de concessões de infraestrutura para 2020
Governo federal deixa RN de fora de pacote de concessões de infraestrutura para 2020
VISUALIZAR
NATAL RN
Uma praia da Grande Natal está imprópria para banho, aponta boletim
Uma praia da Grande Natal está imprópria para banho, aponta boletim
VISUALIZAR
Política
EXCLUSIVO: CHAPA FECHADA ENTRE BALEIA E VALDIR PARA AS ELEIÇÕES 2020 EM GEORGINO AVELINO
EXCLUSIVO: CHAPA FECHADA ENTRE BALEIA E VALDIR PARA AS ELEIÇÕES 2020 EM GEORGINO AVELINO
VISUALIZAR
Fale com a redação!

Envie sua mensagem, estaremos respondendo assim que possível ; )