Portal Correio do Agreste - A serviço do povo!

Nordestinos conquistaram um quinto dos ouros brasileiros no Pan

Foram 12 ouros dos atletas da região, com nomes como Isaquias Queiroz e Etiene Medeiros. Ao todo,
Nordestinos conquistaram um quinto dos ouros brasileiros no Pan
Etiene Medeiros. Edival “Netinho” e Isaquias Queiroz brilharam no Pan-Americano. Foto: Reprodução

OUVIR NOTÍCIA

Foram 12 ouros dos atletas da região, com nomes como Isaquias Queiroz e Etiene Medeiros. Ao todo, o Nordeste conquistou 33 medalhas (12 ouros, 10 pratas e 11 bronzes)

 

Os nordestinos conquistaram um quinto das 55 medalhas de ouro do Brasil nos Jogos Pan-Americanos de Lima 2019, no Peru. Foram 12 ouros dos atletas da região (em modalidades individuais e coletivas), com destaque para nomes como Isaquias Queiroz, Etiene Medeiros e Edival “Netinho Marques”. Ao todo, o Nordeste conquistou 33 medalhas (12 ouros, 10 pratas e 11 bronzes). Já o Brasil levou 171 medalhas, na melhor campanha na história da competição (55 de ouro, 45 de prata e 71 de bronze). No mapa acima você confere a relação completa com as medalhas do Nordeste.

Leia também:
Brasil confirma melhor campanha da história em Jogos Pan-Americanos
Pan de Lima começa nesta quarta-feira com 49 atletas nordestinos

Foram mais de 50 atletas nordestinos em Lima. A Bahia foi a responsável pelo maior número de medalhas do Nordeste, com 10. De lá, vieram ouros como os de Isaquias Queiroz, maior destaque do Brasil na canoagem; Ana Marcela Cunha, na maratona aquática; e Beatriz Ferreira, no boxe. Beatriz foi a primeira brasileira campeã pan-americana na modalidade.

A pernambucana Etiene Medeiros, da natação, conquistou um ouro, duas pratas e um bronze, entrando de vez na história do esporte no Brasil. O resultado fez ela se tornar uma das brasileiras que mais conquistou medalhas em Jogos Pan-Americanos (foram oito, ao todo, contando com outras quatro em 2015, em Toronto). O seleto grupo também conta com a presença de outra nadadora pernambucana, Joanna Maranhão.

Outro destaque ficou por conta do Piauí. O estado conquistou quatro das cinco medalhas do Brasil no badminton. A exceção foi o título de Ygor Coelho, no masculino. O Piauí brilhou nas duplas: bronze no masculino (Fabrício Farias e Francielton Farias), no feminino (Sâmia Lima e Jaqueline Lima) e nas mistas (Fabrício Farias e Jaqueline Lima).

Fonte

OP9

Comentários

Quer mais artigos e as newsletters editoriais no seu e-mail?

Receba as notícias do dia e os alertas de última hora.
[CARREGANDO...]

Confira mais Notícias

Esportes
ABC vence por 2 a 0 em primeiro teste de olho na temporada 2020
ABC vence por 2 a 0 em primeiro teste de olho na temporada 2020
VISUALIZAR
Cidades
Grande festa em Parnamirim marcou filiação da vice-prefeita Elienai Cartaxo ao PL
Grande festa em Parnamirim marcou filiação da vice-prefeita Elienai Cartaxo ao PL
VISUALIZAR
NATAL RN
Blitz da Operação Lei Seca autua 36 motoristas que recusaram fazer teste do bafômetro em...
Blitz da Operação Lei Seca autua 36 motoristas que recusaram fazer teste do bafômetro em Natal
VISUALIZAR
Rio Grande do Norte
Caminhão desvia de veículo que forçou ultrapassagem, bate em moto e mata casal no interior...
Caminhão desvia de veículo que forçou ultrapassagem, bate em moto e mata casal no interior do RN
VISUALIZAR
Esportes
IMAGENS EXCLUSIVAS: JÁ NO AEROPORTO, DANIEL E GABRIEL EMBARCAM EM INSTANTES PARA COPA SÃO...
IMAGENS EXCLUSIVAS: JÁ NO AEROPORTO, DANIEL E GABRIEL EMBARCAM EM INSTANTES PARA COPA SÃO PAULO
VISUALIZAR
Senador Georgino Avelino
EM GEORGINO AVELINO; MORADORES RECLAMAM DE ESGOTO A CÉU ABERTO NA RUA JOÃO AURELIANO
EM GEORGINO AVELINO; MORADORES RECLAMAM DE ESGOTO A CÉU ABERTO NA RUA JOÃO AURELIANO
VISUALIZAR
Fale com a redação!

Envie sua mensagem, estaremos respondendo assim que possível ; )