Portal Correio do Agreste - A serviço do povo!

Municípios menores terão recursos para equipar salas de vacinação

O dinheiro é para que as cidades com até 100 mil habitantes possam adquirir câmaras frias a fim de ampliar
Municípios menores terão recursos para equipar salas de vacinação
Foto: Tânia Rêgo/Arquivo/Agência Brasil

OUVIR NOTÍCIA

O dinheiro é para que as cidades com até 100 mil habitantes possam adquirir câmaras frias a fim de ampliar a estrutura de armazenamento de vacinas e imunobiológico

 

Os municípios com até 100 mil habitantes vão receber nos próximos meses R$ 44,2 milhões do Ministério da Saúde para que possam adquirir câmaras frias a fim de ampliar a estrutura de armazenamento de vacinas e imunobiológico. A liberação dos recursos foi acertada durante reunião da Comissão Intergestores Tripartite, realizada esta semana em Brasília.

Leia também:
Estados começam a receber doses extras de vacina contra o sarampo

A medida tem por objetivo garantir a qualidade dos imunobiológicos ofertados à população e a execução da Política Nacional de Imunizações dentro do padrão de qualidade e segurança do Sistema Único de Saúde (SUS).

“Entre as vantagens da câmara fria estão o controle real da temperatura e sua distribuição homogênea, o processamento dos dados que permite acompanhar qualquer alteração no equipamento e ainda a disponibilização de bateria, caso ocorra queda de energia. Com isso, é possível garantir a qualidade e a eficácia da vacina aplicada na população, além de evitar a perda desses insumos por conta das variações de temperatura”, disse o diretor do Departamento de Imunização e Doenças Transmissíveis, Julio Croda.

De acordo com o ministério, além do critério do número de habitantes, o município precisa ter implantado o sistema de informação nominal do Programa Nacional de Imunizações e não dispor de uma câmara refrigerada.

O dinheiro será liberado na modalidade fundo a fundo, em parcela única, pelo Fundo Nacional de Saúde aos Fundos de Saúde dos Estados, do Distrito Federal e/ou Municipais, por meio do Bloco de Investimento na Rede de Serviços Públicos de Saúde, no Grupo de Vigilância em Saúde. Todos os procedimentos e critérios para o repasse dos recursos financeiros serão divulgados em portaria que o ministério publicará em breve.

Fonte

Agência Brasil

Comentários

Quer mais artigos e as newsletters editoriais no seu e-mail?

Receba as notícias do dia e os alertas de última hora.
[CARREGANDO...]

Confira mais Notícias

Economia
Mega-Sena deve pagar R$ 27 milhões neste sábado
Mega-Sena deve pagar R$ 27 milhões neste sábado
VISUALIZAR
BRASIL
Bolsonaro sanciona Orçamento com fundo eleitoral de R$ 2 bi
Bolsonaro sanciona Orçamento com fundo eleitoral de R$ 2 bi
VISUALIZAR
NATAL RN
Homens fazem arrastão em ônibus na Zona Norte de Natal e levam celulares e dinheiro
Homens fazem arrastão em ônibus na Zona Norte de Natal e levam celulares e dinheiro
VISUALIZAR
GRANDE NATAL
Acidente entre caminhões interdita trecho da BR-101 na Grande Natal e deixa trânsito lento
Acidente entre caminhões interdita trecho da BR-101 na Grande Natal e deixa trânsito lento
VISUALIZAR
Política
EX – PREFEITO EDVAL BEZERRA FAZ LANÇAMENTO OFICIAL DE SUA PRÉ – CANDIDATURA E DIZ ESTÁ...
EX – PREFEITO EDVAL BEZERRA FAZ LANÇAMENTO OFICIAL DE SUA PRÉ – CANDIDATURA E DIZ ESTÁ FIRME NESTE NOVO PROJETO
VISUALIZAR
Cidades
Postes caem e atingem carro e casa na Grande Natal
Postes caem e atingem carro e casa na Grande Natal
VISUALIZAR
Fale com a redação!

Envie sua mensagem, estaremos respondendo assim que possível ; )