Portal Correio do Agreste - A serviço do povo!

Mais Médicos para o Brasil: publicados nomes e locais de trabalho

Portaria está publicada no Diário Oficial da União desta terça-feira
Mais Médicos para o Brasil: publicados nomes e locais de trabalho
Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil

OUVIR NOTÍCIA

A lista com os nomes e registros de médicos intercambistas do Projeto Mais Médicos para o Brasil está publicada na edição desta terça-feira (8) do Diário Oficial da União.

De acordo com a Portaria nº 28, de 7 de outubro de 2019, da Secretaria de Atenção Primária à Saúde, fica concedido registro único para o exercício da medicina, no âmbito do Projeto Mais Médicos para o Brasil, aos médicos intercambistas.

A portaria determina também a expedição das carteiras de identificação de todos que atenderam os requisitos legais para as atividades do projeto previstas no projeto. O documento informa ainda o local onde o médico vai trabalhar.

De acordo com o Ministério da Saúde, o projeto é parte do esforço do governo federal, com apoio de estados e municípios, para "a melhoria do atendimento aos usuários do Sistema Único de Saúde (SUS). Além de levar mais médicos para regiões onde há escassez ou ausência desses profissionais, o programa prevê, ainda, mais investimentos para construção, reforma e ampliação de Unidades Básicas de Saúde (UBS), além de novas vagas de graduação, e residência médica para qualificar a formação desses profissionais".

Segundo a pasta, o Mais Médicos para o Brasil se soma a um conjunto de ações e iniciativas do governo objetivando o fortalecimento da Atenção Básica do país.

Acesse aqui a portaria com os nomes e locais.

Fonte

Agência Brasil

Comentários

Quer mais artigos e as newsletters editoriais no seu e-mail?

Receba as notícias do dia e os alertas de última hora.
[CARREGANDO...]

Confira mais Notícias

GRANDE NATAL
Homem é assassinado a tiros na frente da casa dos pais na Grande Natal
Homem é assassinado a tiros na frente da casa dos pais na Grande Natal
VISUALIZAR
BOMBA
Bolsonaro cometeu crime que dá pena de três a seis anos de cadeia, ao cobrir a placa de sua...
Bolsonaro cometeu crime que dá pena de três a seis anos de cadeia, ao cobrir a placa de sua moto
VISUALIZAR
AL RN
Mais de 50 pessoas participam da campanha de doação de sangue da ALRN neste sábado em Natal
Mais de 50 pessoas participam da campanha de doação de sangue da ALRN neste sábado em Natal
VISUALIZAR
DF
Morre, em Brasília, o ex-vice-presidente da República Marco Maciel
Morre, em Brasília, o ex-vice-presidente da República Marco Maciel
VISUALIZAR
Rio Grande do Norte
Em um dia, RN confirma 19 novas mortes pela covid-19 e mais de 2 mil novos casos
Em um dia, RN confirma 19 novas mortes pela covid-19 e mais de 2 mil novos casos
VISUALIZAR
Policial
PM detém homem por crime de violência doméstica na Grande Natal
PM detém homem por crime de violência doméstica na Grande Natal
VISUALIZAR
Fale com a redação!

Envie sua mensagem, estaremos respondendo assim que possível ; )