Portal Correio do Agreste - A serviço do povo!

Feliz o casal que sabe ver-se com os olhos do coração. Para ele, o tempo nunca passa. A Beleza e o Amor são eternos.

Sejamos sempre como namorados!
Feliz o casal que sabe ver-se com os olhos do coração. Para ele, o tempo nunca passa. A Beleza e o Amor são eternos.

OUVIR POSTAGEM

Doze de junho, Dia dos Namorados!

Quando a gente ama, as primaveras e alguns invernos (risos) vão passando, e até a aparência corporal não perde a graça. Falo de Amor, é claro!

Amor é como o cinquentenário que reuniu por tantos anos Zélia (1916-2008) e Jorge Amado (1912-2001): “Tomo da mão de minha namorada, cúmplice da aventura há mais de meio século, copiloto na navegação de cabotagem: vamos sair de férias, mulher, bem as merecemos após tanto dia e noite de trabalho na escrita e na invenção. Vamos de passeio, sem obrigações, sem compromissos, vamos vagabundear sem montra de relógio, sem roteiro, anônimos viandantes”.

O saudoso Alziro Zarur (1914-1979), poeta, costumava dizer: “O Amor é todo o encanto da vida. A vida sem Amor não vale nada”.

A beleza do Espírito

Se você namorar e casar só por causa da formosura e do corpo sarado, poderá dar-se mal um dia, pois a fascinação exterior passará como o vento. Contudo, se for unir-se porque tem Amor, o encanto físico com o tempo poderá não ser o mesmo; porém, você amará como amou quando jovem e com maior maturidade. O tempo ensina, ensina. Só não aprende quem não quer.

Senão, que amor é esse? Não terá passado de sentimento falso. Mas, se constituir matrimônio verdadeiramente motivado por forte bem-querer, a felicidade crescerá como as árvores seculares, porque o Amor será infinito.

A beleza é coisa primorosa. O Amor, todavia, é muito maior do que tudo isso. Ele estabelece a simpatia. E este é o atrativo que não morre, a graça eterna do Espírito. Nem a morte separa os que se amam, menos quando há suicídio.

Lembro-me de um instrutivo canto de Zarur, no seu poema “Aos Casais Legionários”: “(...) Não é o corpo que atrai: / É o Espírito que ama”.

E, se o Espírito ama — pois foi criado à imagem e semelhança de Deus —, esse Amor é permanente.

João Evangelista ensina, em sua Primeira Epístola, 4:8, que “Deus é Amor”, ao que Zarur assim completa: “e nada existe fora desse Amor”.

Nem o Amor dos namorados.

José de Paiva Netto - Jornalista, radialista e escritor.

[email protected] — www.boavontade.com 

 

Quer mais artigos e as newsletters editoriais no seu e-mail?

Receba as notícias do dia e os alertas de última hora.
[CARREGANDO...]

Confira mais Postagens

A Força do Altruísmo
Momento de Reflexão com Paiva Netto
Momento de Reflexão com Paiva NettoColunista

A Força do Altruísmo

Posts do Colunista Ver Esta Postagem
A Paz regligiosa na vanguarda
Momento de Reflexão com Paiva Netto
Momento de Reflexão com Paiva NettoColunista

A Paz regligiosa na vanguarda

Posts do Colunista Ver Esta Postagem
Vivência no Bem
Momento de Reflexão com Paiva Netto
Momento de Reflexão com Paiva NettoColunista

Vivência no Bem

Posts do Colunista Ver Esta Postagem
Não desistir daqueles que amamos
Momento de Reflexão com Paiva Netto
Momento de Reflexão com Paiva NettoColunista

Não desistir daqueles que amamos

Posts do Colunista Ver Esta Postagem
Supremo poder da Alma
Momento de Reflexão com Paiva Netto
Momento de Reflexão com Paiva NettoColunista

Supremo poder da Alma

Posts do Colunista Ver Esta Postagem
A PERDA DE UM AMIGO GUERREIRO, VAI EM PAZ BRÁULIO CUNHA
Marcone Pedro
Marcone PedroColunista

A PERDA DE UM AMIGO GUERREIRO, VAI EM PAZ BRÁULIO CUNHA

Posts do Colunista Ver Esta Postagem
Desafiando o tabu individualista
Momento de Reflexão com Paiva Netto
Momento de Reflexão com Paiva NettoColunista

Desafiando o tabu individualista

Posts do Colunista Ver Esta Postagem
Encontrar a Luz
Momento de Reflexão com Paiva Netto
Momento de Reflexão com Paiva NettoColunista

Encontrar a Luz

Posts do Colunista Ver Esta Postagem
Fale com a redação!

Envie sua mensagem, estaremos respondendo assim que possível ; )