Portal Correio do Agreste - A serviço do povo!

Vela brasileira ganha duas medalhas de ouro na Copa do Mundo

Fernanda Oliveira e Ana Luiza Barbachan já tinham garantido o título de véspera na classe 470
Vela brasileira ganha duas medalhas de ouro na Copa do Mundo
Ana Luiza Barbachan (E) e Fernanda Oliveira levaram o bronze Foto: Pedro Martinez/Sailing Energy

OUVIR NOTÍCIA

feminina. Jorge Zarif venceu o duelo particular contra o espanhol Alex Muscat na prova decisiva e foi campeão da Fin

A vela brasileira conquistou duas medalhas de ouro na etapa de Gênova da Copa do Mundo. Fernanda Oliveira e Ana Luiza Barbachan já tinham garantido o título de véspera na classe 470 feminina e encerraram a campanha com um terceiro lugar na regata final. Neste domingo, Jorge Zarif venceu o duelo particular contra o espanhol Alex Muscat na prova decisiva e foi campeão da Finn. O Brasil subiu no pódio nas três etapas na temporada 2018/2019 da Copa do Mundo: Enoshima (Japão), Miami (Estados Unidos) e Gênova (Itália). No total, são quatro medalhas de ouro, uma de prata e uma de bronze.

“Foi uma semana de pouco vento. Testamos vários ajustes diferentes no mastro, no barco, nas velas. Foi um treino muito bom para o Campeonato Europeu, daqui a duas semanas, em Atenas, que será mais uma chance de classificar o país para os Jogos Olímpicos”, afirmou Zarif em entrevista ainda na água.

Campeão mundial da Finn em 2013 e atual campeão mundial da classe Star, Zarif entrou na regata da medalha em segundo lugar, mas apenas dois pontos atrás de Alex Muscat. O espanhol cometeu um erro e Zarif terminou em sexto lugar, garantindo o título. O brasileiro acabou com 30 pontos perdidos contra 34 do adversário

“Foi uma diferença pequena. Não larguei tão bem, mas o ponto mais importante da regata foi na primeira boia. Eu tinha ficado um pouco para trás, mas o espanhol tentou forçar a passagem no meio dos barcos e sofreu duas penalidades por causa disso. A partir daí, passei a controlar ele e manter a vantagem”, explicou Zarif.

Na 470 feminina, a medalhista olímpica Fernanda Oliveira pôde velejar tranquila neste domingo ao lado da parceira Ana Luiza Barbachan. A dupla já tinha garantido o ouro na fase de classificação. As brasileiras terminaram a regata final em terceiro lugar, encerrando a campanha com 14 pontos perdidos, contra 45 das chinesas Mengxi Wei e Hayian Gao, que ficaram com a prata.

“Para nós, foi uma semana incrível. Conseguimos velejar bem, mesmo em condições difíceis. Estamos muito felizes com o resultado”, disse Fernanda, em entrevista ainda no barco.

Esta foi a primeira vez que Gênova recebeu uma etapa da Copa do Mundo, com 676 velejadores inscritos, de 58 países. Foi a terceira etapa da Copa do Mundo 2018/2019.

Fonte

Agência Estado

Comentários

Quer mais artigos e as newsletters editoriais no seu e-mail?

Receba as notícias do dia e os alertas de última hora.
[CARREGANDO...]

Confira mais Notícias

NORDESTE
Pernambuco ultrapassa 3 mil mortes por Covid-19 e tem 36.463 casos confirmados
Pernambuco ultrapassa 3 mil mortes por Covid-19 e tem 36.463 casos confirmados
VISUALIZAR
NORDESTE
Número de óbitos por Covid-19 supera o de assassinatos no Ceará
Número de óbitos por Covid-19 supera o de assassinatos no Ceará
VISUALIZAR
NORDESTE
Agência bancária no Centro de Fortaleza é invadida e vandalizada por criminosos
Agência bancária no Centro de Fortaleza é invadida e vandalizada por criminosos
VISUALIZAR
Economia
Em dois meses, 107 milhões de brasileiros pediram auxílio emergencial
Em dois meses, 107 milhões de brasileiros pediram auxílio emergencial
VISUALIZAR
Saúde
Hospital das Clínicas pesquisa contato de funcionários com coronavírus
Hospital das Clínicas pesquisa contato de funcionários com coronavírus
VISUALIZAR
COVID 19
Covid-19: Jean, do Cruzeiro, testa positivo e inicia isolamento social
Covid-19: Jean, do Cruzeiro, testa positivo e inicia isolamento social
VISUALIZAR
Fale com a redação!

Envie sua mensagem, estaremos respondendo assim que possível ; )