Portal Correio do Agreste - A serviço do povo!

“Plano de carreira dos médicos ainda tem muitas falhas”, diz Geraldo Ferreira

De acordo com o presidente do Sinmed-RN, o desenho do plano “é bom”, e que se implantado como foi projetado, “vai possibilitar aos médicos de Natal um
“Plano de carreira dos médicos ainda tem muitas falhas”, diz Geraldo Ferreira
Geraldo Ferreira, presidente do Sinmed-RN

OUVIR NOTÍCIA

O presidente do Sindicado dos Médicos do Rio Grande do Norte (Sinmed-RN), Geraldo Ferreira, avaliou que o atual plano de carreira dos médicos de Natal ainda possui “muitas falhas”. Depois de dois anos e meio de espera, a categoria, enfim, viu o plano ser implementado na gestão do prefeito Álvaro Dias (MDB) em novembro de 2018. O resultado, contudo, não agradou.

“Estamos nessa luta há seis anos, começando com Carlos Eduardo [Alves, ex-prefeito de Natal]. Durante o mandato dele não conseguimos implantar. Quando Álvaro assumiu, ele deu o primeiro passo ao implantar o plano, só que ele saiu com muitas falhas. Questões de interpretação, que, para nós, estão prejudicando a categoria médica. O prefeito tem dado abertura a negociações, mas não chegamos ainda a um bom termo”, disse Geraldo Ferreira.

De acordo com o presidente do Sinmed-RN, o desenho do plano “é bom”, e que se implantado como foi projetado, “vai possibilitar aos médicos de Natal uma carreira semelhante ao do Estado”.

Falta de estrutura e pessoal

Outra luta da categoria médica é pela resolução dos problemas de estrutura e pessoal que acometem os hospitais potiguares. Segundo Geraldo Ferreira, essa é a única forma dos médicos terem condições de atender a população a contento.

“Você tem que estar em um ambiente onde têm se recursos necessários para prestar bom atendimento à população. A maior parte das queixas que chegam a nós, culpabilizam os médicos, mas a responsabilidade é da falta de estrutura, de leitos e de equipamentos”, analisou.

Talvez a pior situação, na compreensão do presidente do Sinmed-RN, seja dos municípios do interior. Ele enxerga que o atendimento em cidades que não pertencem à Região Metropolitana está “completamente precarizado”.

“No interior, os contratos são do jeito que os gestores querem. O trabalho médico, na maior parte dos outros municípios, não tem Norte e nem carreira. Isso dificulta a interiorização do trabalho medico, que é o sonho de todo mundo”, criticou.

Suporte do Governo e da Prefeitura do Natal

Avaliando o papel do Governo do Rio Grande do Norte e da Prefeitura do Natal no auxílio ao desenvolvimento da área da Saúde, Geraldo Ferreira disse que ainda há muito a ser feito.

Uma sugestão do médico para a capital potiguar é que comece a pensar em ter um hospital próprio. “As estruturas municipais são muito improvisadas. O Hospital Municipal de Natal, por exemplo, funciona numa estrutura arrendada e que não oferece condições para prestação de serviços. A prefeitura precisa se preparar para ter uma unidade própria”, afirmou Geraldo, que acredita que, por prefeito Álvaro Dias ser médico e estar familiarizado com o sistema da saúde, “ele possa dar uma grande contribuição para a sua melhoria”.

A governadora Fátima Bezerra (PT) também foi foco da análise do presidente do Sinmed-RN. Embora admita que ainda seja cedo para expor opiniões sobre o desempenho da administração da petista, Geraldo Ferreira espera que a chefe do Executivo Estadual não repita um erro que, na opinião dele, tem sido visto com frequência nas gestões do PT.

“Normalmente, são políticas que puxam a responsabilidade total do atendimento. Eles [PT] querem que o atendimento seja feito todo em rede própria do Estado, e não gostam de parcerias com o sistema filantrópico, corporativista ou privado. Isso, se for levado como política de governo por Fátima, deverá gerar problemas. Se for insistir demais em romper demais as parcerias, corremos o risco de piorar um pouco, mas não acredito que isso deve acontecer”, explicou.

Fonte

José Aldenir / Agora RN

Comentários

Quer mais artigos e as newsletters editoriais no seu e-mail?

Receba as notícias do dia e os alertas de última hora.
[CARREGANDO...]

Confira mais Notícias

Rio Grande do Norte
Perdão de IPVA atrasado de motos faz RN arrecadar R$ 2,2 milhões em um mês
Perdão de IPVA atrasado de motos faz RN arrecadar R$ 2,2 milhões em um mês
VISUALIZAR
Rio Grande do Norte
Rachadura em viaduto assusta pessoas na ZN de Natal; DNIT promete reparos
Rachadura em viaduto assusta pessoas na ZN de Natal; DNIT promete reparos
VISUALIZAR
Esportes
“Vontade pode não ser suficiente para livrar ABC da queda”, diz Roberto Fernandes
“Vontade pode não ser suficiente para livrar ABC da queda”, diz Roberto Fernandes
VISUALIZAR
Esportes
Corpo de Chico Inácio, radialista esportivo de Natal, é velado em Morro Branco
Corpo de Chico Inácio, radialista esportivo de Natal, é velado em Morro Branco
VISUALIZAR
Mundo
Avião da Azul faz pouso de emergência no aeroporto de Salvador após suspeita de fumaça
Avião da Azul faz pouso de emergência no aeroporto de Salvador após suspeita de fumaça
VISUALIZAR
Rio Grande do Norte
Transporte por aplicativos chega a Touros e Pipa no RN
Transporte por aplicativos chega a Touros e Pipa no RN
VISUALIZAR
Fale com a redação!

Envie sua mensagem, estaremos respondendo assim que possível ; )