Portal Correio do Agreste - A serviço do povo!

KENNEDY: BOLSONARO, MORO E WITZEL OFERECEM AO BRASIL A PAZ DOS CEMITÉRIOS

Ao criticar a posição de autoridades sobre o fuzilamento com 80 tiros contra um inocente no Rio,

Ao criticar a posição de autoridades sobre o fuzilamento com 80 tiros contra um inocente no Rio, o jornalista Kennedy Alencar afirma que Jair Bolsonaro, o ministro da Justiça, Sérgio Moro, e o governador do Rio, Wilson Witzel, "oferecem ao Brasil a paz dos cemitérios". "Mesmo que houvesse bandidos no carro, a ação não poderia ter sido feita como foi. Fuzilar um automóvel no meio de uma avenida é assumir o risco de chacinar pessoas"

"Os 80 tiros disparados contra um carro no Rio de Janeiro no último domingo não podem ser admitidos como uma ação de segurança pública. Ocorreu um fuzilamento em praça pública", diz o jornalista Kennedy Alencar em seu blog.

"A política de segurança pública apregoada pelo presidente Jair Bolsonaro, pelo ministro Moro e pelo governador Wilson Witzel (PSC-RJ) é a da mão pesada contra criminosos, é a do uso de violência ainda maior. Esse política objetiva nos dar a paz dos cemitérios, aquela paz que alguém sente quando vê que o inimigo está a sete palmos debaixo da terra", acrescenta.

Segundo o jornalista Bolsonaro, Moro e o governador do Rio, Wilson Witzel, "oferecem ao Brasil a paz dos cemitérios". "Mesmo que houvesse bandidos no carro, a ação não poderia ter sido feita como foi. Fuzilar um automóvel no meio de uma avenida é assumir o risco de chacinar pessoas".

Leia a íntegra no Blog do Kennedy Alencar

Fonte

247
  • Compartilhe
  • Compartilhar no Facebook
  • Compartilhar no Google Plus
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no WhatsApp

KENNEDY: BOLSONARO, MORO E WITZEL OFERECEM AO BRASIL A PAZ DOS CEMITÉRIOS

247

Ao criticar a posição de autoridades sobre o fuzilamento com 80 tiros contra um inocente no Rio, o jornalista Kennedy Alencar afirma que Jair Bolsonaro, o ministro da Justiça, Sérgio Moro, e o governador do Rio, Wilson Witzel, "oferecem ao Brasil a paz dos cemitérios". "Mesmo que houvesse bandidos no carro, a ação não poderia ter sido feita como foi. Fuzilar um automóvel no meio de uma avenida é assumir o risco de chacinar pessoas"

"Os 80 tiros disparados contra um carro no Rio de Janeiro no último domingo não podem ser admitidos como uma ação de segurança pública. Ocorreu um fuzilamento em praça pública", diz o jornalista Kennedy Alencar em seu blog.

"A política de segurança pública apregoada pelo presidente Jair Bolsonaro, pelo ministro Moro e pelo governador Wilson Witzel (PSC-RJ) é a da mão pesada contra criminosos, é a do uso de violência ainda maior. Esse política objetiva nos dar a paz dos cemitérios, aquela paz que alguém sente quando vê que o inimigo está a sete palmos debaixo da terra", acrescenta.

Segundo o jornalista Bolsonaro, Moro e o governador do Rio, Wilson Witzel, "oferecem ao Brasil a paz dos cemitérios". "Mesmo que houvesse bandidos no carro, a ação não poderia ter sido feita como foi. Fuzilar um automóvel no meio de uma avenida é assumir o risco de chacinar pessoas".

Leia a íntegra no Blog do Kennedy Alencar

Publicidade

Classificados

VEJA MAIS
Vende – se: Fazenda no Sítio Poço Verde, Russas (Ceará)
Vende – se: Fazenda no Sítio Poço Verde, Russas (Ceará)

Russas, Ceará

R$1.250.000,00
DETALHES
Chevrolet Cruze
Chevrolet Cruze

Palotina

R$67.000,00
DETALHES
Casa de Alvenaria Mobiliada
Casa de Alvenaria Mobiliada

Palotina

R$1.500.000,00
DETALHES
Honda Civic
Honda Civic

Palotina

R$195.000,00
DETALHES
MAIS CLASSIFICADOS
Fale com a redação!

Envie sua mensagem, estaremos respondendo assim que possível ; )