Portal Correio do Agreste - A serviço do povo!

Balança comercial tem em 2019 menor superávit desde 2015

Saldo ficou positivo em US$ 46,7 bilhões, 19,6% abaixo do registrado em 2018
Balança comercial tem em 2019 menor superávit desde 2015

OUVIR NOTÍCIA

A balança comercial brasileira teve, em 2019, o menor superávit desde 2015. O saldo ficou positivo em US$ 46,7 bilhões, 19,6% abaixo do registrado em 2018. Segundo o Ministério da Economia, o resultado é explicado pelas quedas tanto no valor das exportações quanto das importações.

No caso das exportações, a redução foi puxada pelo menor valor de vendas externas de produtos manufaturados. Automóveis, autopeças, veículos de carga e plataformas para extração de petróleo estão entre as maiores reduções, segundo a Secretaria de Comércio Exterior. O valor das exportações de manufaturados foi de US$ 77,4 bilhões, US$ 8,7 bilhões abaixo de 2018 e média diária menor em 11,1%.

Segundo a pasta, o aprofundamento da crise argentina foi um dos fatores que prejudicaram as exportações de manufaturados. O país vizinho é um dos principais mercados para automóveis e outros veículos. As vendas de manufaturados brasileiros para a Argentina tiveram redução de US$ 5,2 bilhões no ano passado.

Os semimanufaturados como couros, óleo de soja, açúcar e celulose também tiveram menor valor de exportação em 2019. Mesmo os produtos básicos como a soja tiveram desempenho pior que em 2018.

No caso da soja, um dos principais produtos da balança comercial brasileira, a queda no valor das exportações foi de US$ 6,7 bilhões, para US$ 26,3 bilhões em 2019. A média diária caiu 21,3% em relação a 2018. Segundo o governo, a crise da febre suína na China teve influência nesse resultado e não foi compensado pelo aumento na exportação de carnes.

Em todo o ano de 2019, as exportações somaram US$ 224 bilhões, registrando queda de 7,5% na comparação com a média diária de 2018. Já as importações chegaram a US$ 177,3 bilhões, com redução de 3,3% na média diária mesma comparação.

Na divulgação dos dados da balança comercial, o secretário de Comércio Exterior do Ministério da Economia, Lucas Ferraz, disse que o foco da agenda não passa pela obtenção de saldos, mas sim pela elevação da corrente de comércio – ou seja, do volume de exportações e importações somados.

“O foco da agenda de comércio do governo Jair Bolsonaro não passa pela obtenção de saldos comerciais”, disse o secretário. Segundo ele, o objetivo é ampliar o grau de integração da economia com o restante do mundo, contribuindo para a elevação da produtividade. “O foco é o aumento da corrente de comércio sobre o PIB (Produto Interno Bruto)”, disse.

Ferraz justificou, porém, que o comércio em todo o mundo tem crescido de forma mais lenta. Além disso, “choques de curto prazo” também afetaram o desempenho da balança comercial, como a crise argentina e a febre suína na China.

O secretário observou ainda que a piora no desempenho se deve muito mais à queda nos preços dos produtos do que à redução nas quantidades demandadas. No caso das exportações, a quantidade caiu 0,3%, enquanto o preço teve diminuição de 3,8%. Já nas importações, a variável preço encolheu 4,3%, enquanto as quantidades aumentaram 4,2%.

Fonte

Agência Estado

Comentários

Quer mais artigos e as newsletters editoriais no seu e-mail?

Receba as notícias do dia e os alertas de última hora.
[CARREGANDO...]

Confira mais Notícias

Policial
Motorista causa acidente e foge, mas é preso após voltar para pegar o carro
Motorista causa acidente e foge, mas é preso após voltar para pegar o carro
VISUALIZAR
BRASIL
Há 75 anos, morria Mário de Andrade, um dos maiores escritores do país
Há 75 anos, morria Mário de Andrade, um dos maiores escritores do país
VISUALIZAR
Senador Georgino Avelino
AULAS DA ESCOLA JOSÉ ALVES ACIOLE EM CARNAÚBA INICIAM NA PRÓXIMA SEGUNDA (02)
AULAS DA ESCOLA JOSÉ ALVES ACIOLE EM CARNAÚBA INICIAM NA PRÓXIMA SEGUNDA (02)
VISUALIZAR
Rio Grande do Norte
Brasileiro que estava em quarentena por causa do coronavírus chega ao RN
Brasileiro que estava em quarentena por causa do coronavírus chega ao RN
VISUALIZAR
NATAL RN
Terça do Carnaval de Natal tem shows em seis polos e mais blocos por toda cidade; veja...
Terça do Carnaval de Natal tem shows em seis polos e mais blocos por toda cidade; veja programação
VISUALIZAR
JUSTIÇA
Entenda critérios da legislação brasileira sobre processo de adoção no país
Entenda critérios da legislação brasileira sobre processo de adoção no país
VISUALIZAR
Fale com a redação!

Envie sua mensagem, estaremos respondendo assim que possível ; )